sábado, 16 de agosto de 2008

Dorival Caymmi

Na série “Dia do...” que editei no dia 29 de Abril , homenageava o baiano Dorival Caymmi por ser festejada nesta data o seu nascimento, em 1914.
Hoje nos chega a notícia, que aos 94 anos, o bom baiano, radicado há alguns anos no Rio de Janeiro, faleceu.
Deixa saudades, mas não tristeza, pois foi um homem que soube viver. Foi sempre o que nos transmitiu.



3 comentários:

Anônimo disse...

Um baiano e brasileiro de peso, que escreveu História da Música Brasileira (e internacional), cantando as alegrias e tristezas da vida com um um giriquidum, que só ele sabia tocar.

Axé Caymmi!

Micheliny Verunschk disse...

E Dorival foi pra Maracangalha e foi só (que essa é mesmo uma viagem solitária).

A música da qual mais gosto é História pro Sinhozinho: Na hora em que o sol se esconde e o sono chega o sinhozinho vai procurar...

Madalena disse...

Lindo demaissss.
Beijoquinhas com muita saudade