sábado, 15 de março de 2008

Atleta na família?

O Filipe, fazem um pouco mais de duas semanas que foi à academia com a Sofia, onde iria ver a irmã fazer aparelhos como bicicleta e musculação leve. Acabou por perceber que estavam dando uma aula de Taekwondo, espiou, e um dos instrutores acabou-o por convidar para participar da aula fazendo-o esquecer o objetivo inicial da ida até a academia.
Chegou a casa feliz com a novidade e com o apoio da irmã para avaliar o quanto apoiaríamos que ele passasse a freqüentar o Taekwondo, e claro, se o patrocinaríamos.
Não teve muitas dificuldades, afinal tanto eu como a mãe somos fãs dos conceitos das artes marciais e conhecemos o Filipe para sabermos como ele poderá conviver pró - positivamente com eles. Sabemos também como o esporte, nos seus 11 anos de idade, não só em momentos de brincadeira, mas também com disciplina e com o controle de pessoas que conhecem o assunto, lhe farão bem ao organismo e à mente.
Visitei a academia, conheci o ambiente, o seu mestre, a forma como os seus novos companheiros, uns mais novos, outros mais velhos, se relacionam, e se tinha dúvidas para dar o primeiro passo para apoiá-lo, ali ficaram.
Hoje fez exactamente duas semanas que o Filipe começou a treinar e já aceitou o desafio de participar do seu primeiro torneio, interno das academias afins, e participou na categoria “performance” para a sua faixa de idade, onde não existe luta e sim a demonstração de golpes de ataque e defesa. Conquistou, no desempate, a segunda colocação e saiu orgulhoso com a sua medalha.
O meu orgulho foi maior ao perceber ele ter aceitado o desafio, sem inibição e com tão pouco tempo de envolvimento e treinamento, de enfrentar um torneio assim, de cara. Creio que eu e a mãe não tomamos a decisão errada e as pessoas que estão com ele sabem bem trabalhar a motivação nata do Filipe.

video

2 comentários:

Tareca disse...

Sim fizeram a escolha certa tenho certeza disso, ao vê-lo ontem antes de ir, deu para sentir nele.
Ele se empenhou, parabêns Fi, a tia está orgulhosa, e vai em frente , vais ver será um Lindo caminho para tua vida, não importa o tempo que dure o que escolhestes para teu corpo e mente , vai Fi, acreditamos em ti, com medalhas ou sem elas

Um beijo grande em teu coração meu Fi, e claro aos pais orgulhosos.
Amei ver a atuação dele aqui. : )

Anônimo disse...

Eta Filipito, Gostei de ver.
Esporte faz sempre bem. Vai fundo!
Faz isso para você, sem pensar em medalhas, mas com disciplina e amôr .

beijos do tio
ToComDor