segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Racismo em torcida de esporte de elite...

Torcedores espanhóis, no caso maus torcedores espanhóis, conseguiram fazer chegar o racismo à Fórmula 1 durante os testes de algumas equipes na pista de Barcelona de Montmeló , onde entre elas a McLaren e o seu piloto Hamilton, ex-colega de equipe do espanhol Fernando Alonso, participavam neste sábado, dia 02 de Fevereiro.
Além de faixas agressivas no autódromo, cada vez que o piloto se deslocava entre o motor home da equipe e os boxes era chamado por aproximadamente 3.500 torcedores de Alonso de “negro de merda”.
A Real Federação Espanhola de Automobilismo, pressionada ou não pela FIA que ameaçou com a não realização dos dois GP’s previstos para 2008 no país, reagiu fortemente com uma nota onde entre outras declarações, dizia:
"Este tipo de energúmenos, que confundem rivalidade esportiva com violência, precisam saber que a Federação terá tolerância zero com eles."
Agora é aguardar as verdadeiras ações, mas o que mais me deixa angustiado no momento é ver qual será, que já deveria ter havido alguma, atitude do esportista e homem Fernando Alonso.
.
Fonte da Imagem: Estadão

2 comentários:

Anônimo disse...

Triste, muito triste.
Espero que o racismo e a violência que domina os estádios de futebol não se alastre para outros esportes.

Coimbra disse...

Olhai a involução da espécie humana: O Racismo. Jorge Coimbra