quarta-feira, 9 de abril de 2008

Tocha sem luz em São Francisco

Fonte da imagem: Site Estadão

Nos USA, especificamente em São Francisco, o passeio com a Tocha Olímpica sofre alterações de roteiro, atletas são dispensados para percorrerem com a mesma, outros desistiram de participar, e a maioria que conseguiu assitir o evento foram os próximos de 700 seguranças convocados para acompanhar os atletas e autoridades envolvidos com a “festa”.
Os manifestantes americanos pró Tibete deram uma lição não só aos governantes chineses, mas também, ou principalmente, à hipocrisia “bushiana”, neste caso representando muito bem grande parte de estados deste planeta.
.

2 comentários:

Anônimo disse...

Se lembram quando a Russia foi bloqueda das Olimpiadas. Pois era o tempo da "Guerra Fria" que cada vez mais se globalizou e aqueceu o planeta.

Desporto e política devem ser separados, mesmo que em cada desportista está um ser humano com direito de pensar e ter opinião individual e não nacional.(Políticamente manipulada e controlada seja em qual país for)

Infelizmente se o Comitê Olímpico Internacional respeitasse a sua própria Carta Magna, os Jogos Olìmpicos jamais deveriam ter sido permitidos na China. Provando que o dinheiro compra qualquer direito não cumprido.
Fico feliz em perceber que muitos patrocionadores a nivel nacional, estão saltando fora desta jogada, deixando alguns canais de TV europeus sem verbas para as transmissões.

Solidariedade para com o povo e cultura tibetano,à anos desrespeitado e perseguido pelo maior ditadura e nação colonialista do planeta; A China

Antonio Lemos

Zé Paulo disse...

20 valores!
ZP